Eleitores têm até 8 de maio para regularizar o título, transferir e votar

Em 6 de outubro, mais de 153 milhões de eleitores estarão aptos para exercer seu direito de voto nas eleições municipais.

Eleitores têm até 8 de maio para regularizar o título, transferir e votar

Eleitores de todo o país devem resolver suas pendências com a Justiça Eleitoral até o dia 8 de maio. Nesse período, os cidadãos conseguem pedir transferência de domicílio, atualizar os dados cadastrais e os jovens com idade entre 16 e 18 anos podem tirar o título de eleitor. Após essa data, o cadastro eleitoral será encerrado para a organização das eleições municipais deste ano. 

Em 6 de outubro, mais de 153 milhões de eleitores estarão aptos para exercer seu direito de voto, utilizando urnas eletrônicas, para eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores pelos próximos quatro anos.

Eleitores podem verificar sua situação acessando o Portal do TSE ou na unidade da Justiça Eleitoral mais próxima.

Se estiver "Regular", significa que sua inscrição eleitoral está apta para o exercício do voto.

Se estiver "Cancelada", seu título de eleitor estará indisponível para o exercício do voto.

 

Como regularizar o título eleitoral

Os eleitores que não têm biometria devem ir até o cartório eleitoral mais próximo para colher as impressões digitais. O cadastro biométrico é gratuito. 

Os eleitores com biometria cadastrada podem solicitar a regularização do título cancelado em uma unidade da Justiça Eleitoral ou pelo serviço de Autoatendimento Eleitoral, no site do TSE. 

As informações são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

 

 

COMPARTILHE NO:

+ VEJA TAMBÉM

Crédito agrícola ofertado pelo Banco do Brasil cresce 46% em 2021/22

Crédito agrícola ofertado pelo Banco do Brasil cresce 46% em 2021/22

Câmara aprova Medida Provisória que regulamenta ensino domiciliar: veja o que muda

Câmara aprova Medida Provisória que regulamenta ensino domiciliar: veja o que muda